Social Icons

DESTAQUE

PURO STYLE - SE EU TE PERCO (VIDEO)

Puro Style é o grupo que juntou integrantes dos SSP e O2 (N'SexLove) , este video tem como título Se Eu Te Perco, consta do album...

29 outubro 2012

Duas Caras volta a gprO (Entrevista)



Eventualmente poderás estar a perguntar quem é este Duas Caras e que importância tem o seu regresso a gprO. Se estas perguntas te surgirem, então há a necessidade de saber um pouco mais da historia do hip hop moçambicano, que de uma forma resumida registra nos principais capítulos, o casamento de 100 Paus e 2Caras (gprO fam) a label gprO, então progenitora do primeiro disco de hip hop na história de Moçambique.

Como qualquer boa relação há os altos e os baixos momentos, amizades acabam, casais separam-se, e entre outras coisas os filhos sãem de casa, fruto disso, as experiências amargas da vida tornam-nos mais maduros, quando isso acontece, amigos e casais voltam a unir-se, e nas palavras de Duas Caras ficamos a saber que o bom filho sempre volta a casa, ele não foge a regra, e está de volta a casa ou seja está de volta a gprO, mas não foi a primeira vez que ele abandona e volta a casa, eis  o motivo da estrevista, procurar saber os porquês dos entras e sais.

Entrevista por Dino Cross (twitter @DinoCross), com participação especial de Lusohiphop (twitter @ Lusohiphop) e Cenas que Curto (Twitter: @Cenasquecurto)



Sobre a decisão de voltar ao grupo
Duas Caras: Foi uma decisão 1 pouco dura de tomar porque já estava a jobar no album… E entrar para esse projecto naturalmente que colocaria o *eternamente aguardado* tondjemcee. Mas vindo duma recente experiência de jobar sozinho no MaxiSingle *111* fez-me repensar sobre o mercado Moçambicano de musica.

@DINOCROSS: Qual foi a reacção do público ao seu regresso? 
2 CARAS: No fundo já sabiam, só foram confirmar. Não era muito difícil descobrir, mesmo assim ha quem pensasse que eram outros artistas, cheguei a ouvir  “dizem que é a Neyma”. fui anunciado, e a reacção foi bem fixe. Acho que foi de ya! "já não era sem tempo" mas senti que a maioria já sabia porque era o assunto de bastidores durante a semana toda.

DC: Como te sentiste ao saber que os fãs te queria devolta a gprO?

2C: Foi fixe, porque acho que estando ou não na Gpro a minha imagem será sempre associada ao grupo. Temos uma historia em comum, e o pessoal grama de ver o Duas Caras na Gpro, então isso torna tudo mais fácil... Portanto, é bom pra mim e Óptimo pra eles.

DC: Na verdade quando deu-se o teu regresso a gprO?
2C: 
Ja vinha negociando o regresso desde o inicio do ano, pouco antes da nossa viagem a Luanda. Mas comecei a jobar com o 3H em Maio…

DC: Como foi guardar esse segredo? Não eras visto no estúdio da gprO?
2C: Foi difícil porque muita gente passou pelo estudio e via me la a jobar com o 3H, e não era difícil adivinhar. Mas inventava sempre um filme!


DC:  E o que levou-vos a manter segredo, por este tempo?
2C:…queríamos encontrar a melhor forma de informar aos fãs sobre o meu regresso ao grupo, e o show gprO Forever foi a melhor forma que encontramos.. 

(Pergunta do) @CenasQueCurto: Falando sobre entra e sai, achas que os fãs devem estar preparados para mais uma saída, caso não se cumpra com os termos do acordo?

2C: O que posso dizer é que vivemos num mundo em constantes mudanças, e eu não sei o que vai acontecer amanhã..

(Pergunta do) @LUSOHIPHOP: Novo regresso a gprO, porque é que os seus fãs devem pensar que desta vez será diferente?
2C: Não sei se devem pensar que será diferente, porque como eu disse "não sabemos o dia de amanhã" temos um contrato para cumprir e música para dar aos fãs..o resto logo se vê...


@DINOCROSS: Sobre o álbum Tondjemcee, ele deverá sair pela gprO? O que esta em projecto neste momento? Um disco do grupo ou o discos individuais dos artistas afiliados a label?

2C: Por enquanto prefiro não falar do futuro. O contrato prevê o lançamento de 1 álbum "gprO" até janeiro ou fevereiro 2013. Depois disso logo se vê..

DC: Da experiencia de ter trabalhado sozinho no single “111”, falou sobre o mercado musical moçambicano, como o descreves?
2C:..o mercado musical em moz é bastante "instável" não há muitas oportunidades para os artistas, então acho que a gpro teve a sorte de conseguir uma parceria com uma grande empresa o que torna tudo 1 pouco mais fácil..


Reflexão
Depois de lançar o MaxiSingle tondjemcee, nao parei em Maputo, durante 3 meses, percorri quase todas as provincias de Moçambique, e no quarto mês já não tinha mais por onde ir. Isto fez me perceber que Moz é pequeno em termos de locais para se fazerem shows e manter o artista por muito tempo.
A falta de uma boa estrutura compromete todo o trabalho do artista, por mais talentoso que seja..

DC: Esse reflexão terá ajudado a voltar a casa?
2C: Entre outras, isto faz me repensar naquilo que é melhor para o meu futuro dentro da musica.

Reflexão 2
Não existe em Moçambique grupo com melhor estrutura que a Gpro, isso é facto. Qualquer bom talento que se associar a aquele nome é sucesso garantido! G2 é a prova disso.




DC: Sentiu falta dos teus amigos da gpro, após a sua saida?
2C: Não ha espaco pra Saudade nesse game, somos movidos pela vontade de vencer a qualquer custo, e os fâs sofrem com isso. Infelizmente


@DC - o que significa em outras palavras gprO Forever? um vínculo permanente dos artistas a label?

2C: Gpro Forever significa que esta é uma marca que veio para ficar, com ou sem Duas Caras ou 3H
DC: Desta vez não houve musica de volta a casa, terá sido o ideal a forma como anunciaram o teu regresso?
2C: Acho que os fãs apoiam todas as boas decisões do seu ídolo, e acredito que esta é uma delas..

DC: Sobre o Show gprO Foerever o que tens a dizer?
2C: Foi 1 bom show, organizado em cima do joelho, Geralmente actuamos com banda mas desta vez não foi possível o fazermos, gostaríamos de ter dado mais e melhor ao fãs, mas fizemos o que estava mais ao alcance..mas foi 1 bom show

.

DC: Como esta a ser a experiência de voltar a trabalhar com 3H o que que os fãs podem esperar deste trabalho em equipa?
2C: Ta a ser fixe voltar a jobar com o 3H, somos rappers maning diferentes 1 do outro! O 3 é um paulado e eu sou mais versatil.. tudo isso combinado da uma cena crazy..

DC: Sobre o proofles? mudança de produtor não vai comprometer a qualidade do vosso trabalho?

2C: Ya proofles é 1 dos melhores producers Moz, e ja tinha estado na gpro antes.. Fora isso temos estado a trabalhar com outros produtores como, Triggah, Dji Tafinha, Krazy beats etc..

DC: Qual é a diferença entre o 2Caras de antes e o d agora? Terá aprendido uma liçao de vida? Qual ê a experiencia que tem a partilhar?
2C: Sou dos rappers mais famosos no meu pais e ainda nao consigo vender 2 mil copias mesmo tendo 10mil fans no facebook.

A gpro deu me as condiçoes que eu precisava no momento 

A medida k vams crescendo vams fazendo uma leitura diferente sobre o que realmente importa na Vida, e todas as minhas escolhas afectam nao so a mim e aos fans mas tambem a minha família

. A maior parte dos artistas quer uma carreira a curto prazo, outros fazem no pela fama apenas e geralmente a carreira de artista esta em 2nd plano.. e no meio disso estamos os que estao nisto a serio. Dai que 98% Lança musicas e videos para media a espera de acertar no *jackpot* dando certo ou não o salo sempre cai no final do mês! Nós não, as nossas decisões tem que ser pensadas a medio/longo prazo.. se não acabamos frustrados como alguns que ja andam por ai..


Reacção de algumas pessoas ligadas a música em torno do Regresso de Duas Caras a gprO:

DJ Damost (DJ): O bom filho sempre volta a casa

Dama do Bling (rapper) - Achei o regresso do cara boss muito Boa e vai fortificar a team. Que façam voltar os bons momentos do hip hop. E que seja definitivo pra não mágoar os fãs que tanto gostam da família. 

Zav (cantora) Tinha ficado triste com a saída dele, agora sim gostei muito porque,  eu acho q a gprO é o Duas Caras ( o pilar principal sem intenção de tirar mérito aos outros integrantes)

Kloro (rapper): Não sei até que ponto isto afecta a carreira do Duas Caras e o sucesso da Gpro, mas o que eu acredito é que eles juntos ou separados sempre......deliciar-nos-ao com boa musica, porque no fim disso é o que realmente importa para os fãs que apreciam o produto"

André Manhiça (Radialista): Acho que foi a melhor noticia este ano para os fãs e mundo hip hop em geral. Porque o Duas Caras conhece como ninguem a casa e vai juntar outra vez o seu talento ao serviço da concepção de hip hop de qualidade Que a Gpro nos habituou.

Joe (Cotonete Records): Bom, por um Lado, era imprevisível um Duas, fora da Gpro por muito tempo. E a Gpro sem ele é um grupo muito inseguro. É sempre bom ter o 'bom filho' a casa sempre, qualquer pai fica felississimo. Mas, é preciso que esse filho ganhe alguma maturidade ao voltar para casa. Que esse regresso seja fruto de um acordo onde ambas partes saiem a ganhar, porque não seria bom que Duas sentisse que tem Gpro na Mao, e que pode sair e voltar quando quiser, afinal ha um investimento nele que não pode nem deve ser jogado para o alto ao bell prazer.

2 Caras (Musica) - DOWNLOAD 

24 outubro 2012

Conheça os novos membros da gprO

Tropa que é tropa não maia, adepto que é adepto jamais deita a camisola fora, para os fieis fãs e amigos que em nenhum minuto deixaram de depositar confiança e carinho a gprO, este show é para vocês Gpro Friends, GPRO FOREVER, dia 27 de Outubro no Coconuts, prepare o seu coração para muitas emoções, e para receber os NOVOS MEMBROS.

Musica - DOWNLOAD

23 outubro 2012

Show de Paul G e amigos

Sábado 21 de Outubro, O Cine atlântico em Luanda, foi palco do grande show em que Paul G, reuniu o seu leque de amigos de luxo para juntos abrilhantaram a noite, assim aconteceu. Previsto para começar as 19, o espectáculo começou as 21 horas e dos anunciados os grandes ausentes foram, o americano Omarion e os angolanos Kid Mc e Yannick Afroman, o show foi preparado ao pormenor para que nada desse errado, estivemos presentes aos ensaios e sentimos a energia positiva daquilo que seria o espectáculo e assim foi.

Quando eram 21h:07min, Almir Agria chama ao palco os BDD para abrir o show com a interpretaram 2 temas, igual numero para Mona NiCastro e BWG que actuaram logo em seguido respectivamente, em relação ao Mona NiCastro o público murmurou indignado ao perceber que o DJ Wall G interrompeu a sua performance, quando numa mistura nos apercebemos que o interprete já estava no terceiro tema, mas não foi essa a bandeira do show, nem o “Mano” zangou-se (julgamos). Com cada um tema seguiram-se as actuações da Click LV, Os 3 e Os Génesis, e chamou-nos atenção o facto de um integrantes da Click LV apareceu com a habitual performance de identidade de Action Nigga dos Génesis, calções jeans curto vulgo Txuna Baby, Action em palco não exteriorizou o seu desagrado pelo sucedido, mas em gesto de desabafo noutros fóruns chamou atenção a falta de criatividade do membro da click, falando em criar, o grupo Os 3, são bons de dança, mas é bom esclarecer aqui (antes que nacionalizem os seus passos de dança) que aquela coreografia apresentada pelo grupo é da música “facebook” de sulafricano Dj Cleo (youtube it).

Cage One como se diz nas ruas é “pai grande”, grande performance e merecidas foram as palmas de reconhecimento, não há como negar ele tem muitos fãs, depois entrou o Papetchulo para encerrar o primeiro bloco.

22 horas e por trás de um grande ecran salta para o palco Paul G que com a explosão de fogos de artificio da inicio a sua performance, a música era “Get Control”, segue-se a música “Bang it” e logo em seguida entra a ZONA 5, os primeiros convidados do segundo bloco de amigos, “vamos brincar de sipó” estragou com a casa, realmente a Zona Cinco está no top desta City, mas eles não estão sozinhos, a Army Squad mostrou a diferença que os distingue dos demais grupos, eles são imortais, ficou provado isso, bastante aplaudidos por todos, performance imprópria para insensíveis.

Há quem diga “lady first” é gentileza, então a bandeira do show foi essa, deu boom porque a Ary, única convidada feminina, não seguiu a estes critérios, mas na verdade isso pouco importa, ela deu muita karga com “isso vai dar boom” (e deu mesmo) e “Betinho”, Puto Prata veio ao palco depois da Ary e fez bonito sim senhor, num instante mágico Paul G conquistou a sensibilidade de todos com o tema “tem melaço” dos Kalibrados, grupo que interpretou um mix de sucessos do seu primeiro álbum.



“o grupo que vem a seguir, são kotas mais dão karga a artistas de 18 e 20 anos, é a supremacia da música angolana” foram essas as palavras usadas por Paul G para descrever os SSP, enquanto entravam em palco Kuddy, Jeff Brown e Big Nelo, foi aos nossos olhos o momento mais alto do show, (qual americano qual quê). 21 anos de carreira e um depois da ultima performance juntos, lá estavam mais uma vez reunidos os quatros meninos dos SSP, não há palavras para descrever o momento, a emoção tomou conta de tudo, foram recebidos com todas as honras, quem estava sentado levantou e com muitos gritos e aplausos, começaram mais uma vez a sua performance com a música “Sucesso” extraída do álbum alfa, eles dançavam no palco e o público nas bancadas, muita electricidade, deu para matar saudades de Kuddy e Jeff Brown, 3 temas depois deixam o palco da mesma maneira como entraram, cheios de aplausos e assobios.

Um pouco triste e humilde vimos Paul G, a lamentar a “facada” que foi a ausência do cantor Omarion, que não chegou a tempo de participar  do show, mas o público nem importou-se e concordou quando o cantor disse “é bem verdade que vocês estão aqui pelos artistas nacionais” e de facto tinha razão o espectáculo teria sido bom na mesma, só com os amigos angolanos, mais amizade não tem nacionalidade, e o último amigo convidado saiu do Soweto para palco do Cine Atlântico em Luanda, e com o sucesso que os levou a ser nomeados aos awards do channel O, Maezee e Paul G encerraram o show que teve a duração de uma hora e trinta minutos, grande espectáculo, toda a produção está de parabéns, ao Paul G fica aqui o reconhecimento ao valor que dá a família e aos amigos, foi lindo ver toda sua família e amigos a prestigiarem este momento importante da sua carreira.




11 outubro 2012

K9 - 100 tabus

100 Tabus é a nova música do rapper K9, já esta disponível para download. Mas não é recomendável a sensíveis nem a menores de idade.
Faça já o seu download

DOWNLOAD

10 outubro 2012

Não Pego leve - Rolex feat Hernani da silva



Ser artista da Someblood é não pegar leve, e nesta música ROLEX não poupou, valorizou bem o beat e foi feliz chamando o Hernani da Silva para dar aquele toque mágico que só eles conseguem dar a um som.
Mas é importante frisar que o mérito não é só ROLEX e do HERNANI DA SILVA, o beat é hummmmm, como posso dizer hummmmm, epah não sei dizer noutras palavras a não ser “lixado”, o Edson Rise (produtor) também não pegou leve, houve uma sincronia total, alias boa música segue a estes critérios.
Provalvelmente a tua net é lenta como a minha enquanto aguardas a conclusão do download
vai cantando um pouco o coro:

“Man eu não pego leve, e eu já sei que você notou
Tou com o game na minha posse, bro só podes trazer um jogo
Flow tão quente que a lingua ta a arder um pouco
E pra os que não ouviram antes vou dizer de novo
Man eu não pego leve, 5x
nunca peguei e nunca vou pegar
Ya é essa é a própria prova de que eu sou um sameblood”

baixe agora


 

Contactos

DINO CROSS +244912204076
http://www.facebook.com/BlogDinoCross

Até agora (desde 20 de Março/08)

free hit counter

Blog Archive

 
Blogger Templates